BOX | Business Open Experience

Formação Nova SBE
Executive Education

O Desafio
No último ano fomos todos forçados a “resistir à tempestade” e tivemos de suspender iniciativas orientadas para o futuro. Acreditamos que este é o momento certo para identificar e discutir os principais desafios estratégicos das empresas, neste novo contexto, e as respetivas mudanças cruciais para garantir o futuro dos negócios no mundo pós-pandemia.

A Nova SBE está assim empenhada em ajudar as empresas a recuperar o tempo perdido e arrancar rapidamente com iniciativas de transformação do seu negócio: alinhadas com a estratégia da empresa, orientadas para o cliente, decisivas, objetivas e acionáveis.
Junte-se a nós

Sobre a BOX | Business Open Experience

keyboard_arrow_down

A BOX promove uma nova forma de aprender, aplicar e construir soluções para enfrentar desafios do futuro dos negócios no mundo pós-COVID-19.

É o momento para arriscar, para repensar e redesenhar o modelo de negócio, introduzir mudanças em tecnologia, processos, produto, etc.

A nova geração de futuros clientes e colaboradores pode sem dúvida introduzir uma perspectiva imparcial e experimental sobre os negócios das empresas.

Durante este evento, vamos desafiar estudantes de diferentes backgrounds, com mentoria e facilitação de experts em inovação e empreendedorismo, a procurar e desenhar soluções inovadoras para os novos desafios da actualidade, lançados pelas empresas participantes.

Estarão também envolvidos vários Labs e Hubs do ecossistema Nova SBE, nomeadamente, o Co.Innovation Lab, o Digital Experience Lab, o Entrepreneurship Hub e a SingularityU Portugal, e suas equipas multidisciplinares.

A Nova SBE está assim empenhada em ajudar as empresas a recuperar o tempo perdido e arrancar rapidamente com iniciativas de transformação do seu negócio: alinhadas com a estratégia da empresa, orientadas para o cliente, decisivas, objetivas e acionáveis.

OPEN CALL | Candidaduras de Empresas

keyboard_arrow_down
A Nova SBE lança assim uma open call às empresas para fazer face a desafios de transformação dos negócios no mundo pós-COVID.

A iniciativa BOX, uma Business Open Experience vai decorrer entre 14 e 18 Junho, para que as empresas assumam o risco e repensem os negócios além COVID-19.

Esta iniciativa tem uma edição limitada de desafios que serão seleccionados por ordem de conclusão da candidatura.

As candidaturas devem ser submetidas através deste site, as empresas terão de definir o(s) desafio(s) alinhado(s) com a sua estratégia e selecionarem um dos três tipos de BOX.

Existem três tipos de BOX, que variam em termos de duração do projeto (uma, duas ou três semanas), número de equipas de estudantes envolvidas, tipo de orientação e facilitação das equipas Nova SBE, parceiros e mentores externos convidados, intenção de incluir equipas internas no programa e respetivo investimento.

Através da BOX | Business Open Experience, as empresas participantes:
  • Conseguem ajustar o nível de investimento à relevância estratégica de cada desafio;
  • Gerar e testar, de forma rápida e económica, novas soluções com alternativas de implementação claras e acionáveis para responder aos seus desafios de negócio;
  • Criar rapidamente uma perspectiva de negócios imparcial de como é o seu negócio pós-COVID-19;
  • Aproximar-se e dar voz à nova geração de futuros clientes e colaboradores;
  • Incorporar uma visão de especialistas em inovação, empreendedorismo, design e tecnologia na procura de soluções para o seu caso específico.

Guia de Identificação de Desafios

keyboard_arrow_down

RECOMENDAMOS:
Desafios estratégicos, abertos, relacionados com o negócio e centrados no cliente, que dependam fortemente de conhecimento externo.

Exemplos:

  • Que novas propostas de valor podemos realizar 100% remotamente, pelo menos para alguns segmentos de clientes?
  • Como podemos gerar mais valor aos segmentos de clientes menos vinculados e com maior ameaça de saída?
  • Como podemos diferenciar as fontes de receita de diferentes produtos / serviços / segmentos?
  • Que serviços / propostas de valor, complementares ao nosso core, podemos criar?
  • Como podemos melhorar a comunicação com segmentos específicos de clientes?
  • Como podemos otimizar as nossas estratégias de aquisição, retenção e/ou crescimento de clientes?
  • Que outras estratégias de distribuição / vendas podemos usar para novos segmentos de clientes?
  • Que tipo de modelos de facturação ou pricing podemos testar, para alinhar o preço dos nossos produtos com os momentos de maior percepção de valor por parte do cliente?

NÃO RECOMENDAMOS:
Desafios altamente dependentes da estrutura interna, como os relacionados com processos e operações, ou outros que dependam significativamente da cultura corporativa interna, modelos operacionais e infraestrutura técnica.

Exemplos:

  • Como podemos implementar internamente uma tecnologia ou um processo específico (por exemplo, modelos de dados)?
  • Como podemos reduzir o desperdício no nosso processo produtivo?
  • Como podemos reduzir o tempo de produção no nosso processo produtivo?
  • Como podemos otimizar os sistemas internos (por exemplo, gestão de stocks)?
  • Como posso estabelecer uma cultura agile na empresa?

Exemplo de 4 Desafios-Tipo

keyboard_arrow_down

​1) O cliente do pós-COVID-19
A pandemia alterou a predisposição dos clientes para aceitar propostas de valor totalmente remotas. Que implicações é que isso pode ter para a empresa?

  • Que segmentos é que estão mais disponíveis/sensíveis para propostas de valor totalmente remotas, e com que tipo de produto/serviço?

​2) O cliente de alto valor e baixa interação
Num contexto difícil para investimentos significativos na aquisição de novos clientes, a retenção dos clientes de maior valor no longo prazo mas de baixa lealdade/interação no curto prazo torna-se ainda mais importante. Como podemos pensar na proposta de valor para estes clientes para, se possível, aumentar o nível de interação connosco e reduzir a probabilidade da sua perda?

  • Que segmentos é que têm simultaneamente maior valor acrescentado no longo prazo e maior probabilidade de saída no curto prazo, e que tipo de propostas de valor podemos criar para aumentar a sua retenção?

3) O não-cliente
O comportamento de consumo está em constante mudança, e isso nunca é tão verdade como em momentos de profundas alterações sociais como a pandemia. Conhecer o cliente do futuro exige uma exploração intensa e não-enviesada no presente.

  • Que características terão os clientes do futuro? Que produtos ou serviços vão consumir e como?

4) O cliente do produto estratégico
Os produtos estratégicos que fazem agora parte do nosso pipeline de desenvolvimento assumirão, no médio prazo, um papel determinante na performance da empresa. Agora é o momento de mitigar o risco de negócio associado a esses produtos, através da sua exposição a factores externos e não-enviesados, que poderão testar os nossos principais pressupostos.

  • O mercado confirma os principais pressupostos no desenvolvimento dos nossos produtos estratégicos? Que aspectos relevantes para o produto estratégico não tínhamos considerado, e que impacto é que isso tem?
3 tipos de box

Visualize as diferenças dos tipos de BOX.

Catarina Lisboa
Head of Product Development
Co.Innovation Lab Business Brand Manager

catarina.lisboa@novasbe.pt

Duarte Silveira
Head of Digital Experience Lab
Ricardo Mesquita
Diretor for Business Transformation

ricardo.mesquita@novasbe.pt